Search
Close this search box.
Search
Close this search box.

Zona Norte: Faccionado que extorquia comerciantes morre ao trocar tiros com a Rotam

Um policial ficou ferido e um criminoso morreu, durante um confronto armado, o ocorrido na tarde desta quarta-feira (3), na zona norte de Macapá.

Segundo informações, equipes da Ronda Ostensiva Tática Motorizada (Rotam) do Bope, receberam uma denúncia, dando conta que cinco elementos que costumavam ostentar armas de fogo e extorquir comerciantes locais para que estes não fossem importunados por uma determinada facção, estariam reunidos em residência, numa área de pontes conhecida como Cai N’água, na rua João Paulo de Souza,
no bairro Jardim Felicidade.

Com o apoio de guarnições do 2° batalhão, foi feito o cerco na passarela. Assim que perceberam a chegada da Polícia Militar (PM), cinco suspeitos que estavam dentro do imóvel correram em direção a uma área de mata, por trás da casa. Dois conseguiram fugir, outros dois se renderam e foram presos. Já Leandro Costa da Silva, de 21 anos, conhecido como “PT”, decidiu enfrentar a polícia atirando em direção aos agentes.

Houve revide e um sargento foi atingido com um disparo abaixo da axila esquerda. A bala transfixou o corpo do militar e saiu nas costas. O PM foi socorrido e levado para o Hospital de Emergências (HE), onde recebeu atendimento e passa bem.

Leandro também foi baleado. Ele chegou a receber atendimento medico do Samu, mas não resistiu. No bolso da calça que o PT usava, os militares encontraram aproximadamente R$ 1 mil em dinheiro.

O armamento que ele portava, uma pistola 9mm que, de acordo com o tenente Pascoal da Rotam, foi a arma usada para ferir o policial; um carregado e munições, foram apreendidas e apresentadas na delegacia, juntamente com Luiz Felipe Nazario de freitas, de 26 anos, e Davi Almeida Brito, de 20.

Ainda de acordo com informações, Leandro respondia pelo crime de homicídio e tinha um mandado de prisão em seu desfavor.

Facebook
Twitter
Email
WhatsApp

Deixe um comentário

Outras Notícias