Search
Close this search box.
Search
Close this search box.

Governo do Estado realiza manutenção na Rodovia do Centenário (Norte-Sul)

Dando continuidade ao cronograma de manutenção das vias estaduais, o Governo do Amapá iniciou nesta quarta-feira, 3, serviços de limpeza, roçagem e retirada de entulhos da Rodovia do Centenário (AP-433), a antiga Norte-Sul. A ação busca manter a qualidade das vias, melhorar a visibilidade, a segurança no trânsito e a mobilidade da população.

As atividades são coordenadas pela equipe da Secretaria de Estado de Transportes (Setrap), estão de acordo com as políticas públicas de mobilidade urbana estabelecidas no Plano de Governo da gestão e se concentram no perímetro próximo à sede da Justiça Federal do Amapá. A previsão é que a manutenção seja realizada em sete quilômetros de extensão, finalizando próximo ao viaduto da Duca Serra (AP-020).

A Rodovia do Centenário é uma das maiores obras de mobilidade urbana do estado e faz parte do Arco Metropolitano da Integração, formado pela Rodovia Duca Serra, BR-210, Região Metropolitana e Zonas Norte, Oeste, Sul e Central de Macapá.

De acordo com o secretário de Estado do Transporte, Marcos Jucá, todas as rodovias recebem o serviço periodica e constantemente, pois a vegetação cresce em ritmo acelerado e pode prejudicar a mobilidade da população.  

“Estamos sempre colocando nossas equipes para fazer esse trabalho, que é essencial para manter um trafego seguro. Recentemente, estivemos na Rodovia Josmar Chaves Pinto executando uma força tarefa, onde realizamos a roçagem, pintura de meio fio e recuperação asfáltica. Agora, estamos dando continuidade ao cronograma e realizando os serviços nos pontos mais críticos de demais locais”, explicou o gestor.

Quem executa os serviços de limpeza nas rodovias estaduais são reeducandos que cumprem pena nos regimes aberto, semiaberto, e egressos do regime prisional do estado. A Setrap já recebeu o Selo Resgata, como reconhecimento pelo trabalho de ressocialização realizado com os apenados. 

A estratégia é fruto de uma parceria entre o Governo do Amapá e o Conselho da Comunidade na Execução Penal da Comarca de Macapá, que tem por objetivo a reinserção social de 100 reeducandos. Eles são fiscalizados pela Setrap e também realizam os serviços de manutenção de prédios institucionais. 

Facebook
Twitter
Email
WhatsApp

Deixe um comentário

Outras Notícias

PL vai com Furlan em Macapá

O atual prefeito de Macapá, Antônio Furlan, anunciou em suas redes sociais que o Partido Liberal, atual sigla do ex-presidente Jair Bolsonaro, estará em seu

Leia Mais »