Search
Close this search box.
Search
Close this search box.

Clécio e Davi comemoram chegada de asfalto até São Joaquim do Pacuí, na AP-70

São 65 quilômetros de pavimentação asfáltica

Beneficiando mais de 30 comunidades rurais e ribeirinhas de Macapá, o governador do Amapá, Clécio Luís, fez neste sábado, 13, a entrega de mais uma etapa de pavimentação da Rodovia AP-070. A obra garantiu asfalto ao longo de 65 quilômetros, a partir da região de Santo Antônio da Pedreira até São Joaquim do Pacuí.

A nova via é mais um investimento da gestão na capital, para proporcionar mais qualidade e segurança na mobilidade entre as regiões, e a trafegabilidade potencializa a economia local através do melhor escoamento da produção agrícola.

“É, sem dúvidas, um dia histórico para o Amapá. Há 50 anos ou mais, a população de toda essa região da AP-70 sonhava com esse momento. É uma honra para mim, como governador há pouco mais de um ano, poder dar continuidade e estar entregando a emenda do asfalto, com 36 quilômetros de pavimentação que liga Macapá até São Joaquim do Pacuí. E esse é só o começo”, destacou o governador.

Na região que engloba o Pacuí e Cutias do Araguari, o Governo realiza a pavimentação das rodovias AP-070 e AP-110, executada por empresa terceirizada e fiscalizada pela Secretaria de Estado de Transportes (Setrap). Os serviços visam garantir desenvolvimento econômico e social para os moradores.

As obras nas duas rodovias integram a 2ª etapa do Plano Rodoviário Estadual, que conta com mais de R$ 380 milhões oriundos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), articulados pelo senador Davi Alcolumbre, mais contrapartida do Governo do Estado.

A chegada do asfalto no distrito de São Joaquim do Pacuí era uma demanda antiga da região e a entrega reavivou memórias de um tempo que não voltará mais para a moradora Eduarda dos Santos, de 19 anos. Há exatamente um ano ela teve o filho e precisou enfrentar a estrada para dar à luz ao pequeno Noah.

“Essa data é muito significativa para mim, pois exatamente em 13 de janeiro de 2023 eu batalhava nessa estrada pra chegar até Macapá para ter meu primeiro filho. O acesso era extremamente difícil, e hoje fico feliz por estar em uma nova realidade. Realmente o asfalto foi uma conquista para todos nós”, falou a jovem.

Facebook
Twitter
Email
WhatsApp

Deixe um comentário

Outras Notícias