Search
Close this search box.
Search
Close this search box.

Waldez exalta eficiência do sistema democrático durante diplomação dos eleitos no TRE

Góes participou da cerimônia que diplomou 54 eleitos no pleito de 2022, entre deputados estaduais e federais e seus suplentes, governador e vice, e senador da República.

O governador Waldez ressaltou que a diplomação representa a celebração do sistema democrático e a decisão livre e soberana do povo do Amapá.

“Vamos entregar à próxima gestão um estado bem melhor e um governo bem mais organizado do que o que assumimos em 2015. Tenho certeza que pela experiência de Clécio e Teles não teremos problemas de solução de continuidade em nenhuma política pública e com amplo espaço para implementar as que foram defendidas no debate público do processo eleitoral”, conclui Waldez.

O governador eleito pelo Amapá, Clécio Luís, frisou que seu governo será para todos e mencionou a importância histórica do trabalho da gestão de Waldez.

“Waldez deixa um grande legado de trabalho e de forma responsável tomou a decisão de governar até o último dia de mandato, tocando e entregando obras e coordenando projetos que junto com a bancada federal foram viabilizados para nosso estado. Telinho [vice-governador eleito] e eu vamos dar continuidade a todas as boas sementes plantadas pela gestão que nos antecede e entregar as obras que estão em curso fazendo o reconhecimento devido”, comprometeu-se Clécio.

O senador reeleito, Davi Alcolumbre, frisou que o Amapá tem conquistado o reconhecimento no cenário nacional com trabalho constante em busca do desenvolvimento.

“Renovo o compromisso de servir ao meu estado, lutar e defender o povo com a mesma coragem, honra e dedicação inabaláveis diante de qualquer obstáculo”, garantiu Alcolumbre.

Deputados

Três deputados estaduais foram eleitos pela legenda do governador Waldez, o Partido Democrático Trabalhista do Amapá (PDT-AP): Aldilene Souza, Inácio Maciel, Jesus Pontes e como suplente Pedro Filé. Os deputados federais também eleitos pelo partido foram três: Goreth Souza, Dorinaldo Malafaia, Josenildo Abrantes e, ainda, Evandro Milhomem como suplente.

O deputado estadual diplomado Inácio Maciel, atual diretor do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-AP) disse que cumprirá sua missão maior de construir um Amapá melhor junto aos seus pares.

“Me sinto preparado para esse desafio de exercitar de forma incansável a capacidade de dialogar em busca de soluções que contemplem os interesses maiores de nosso povo”, enfatizou.

O deputado federal eleito, Josenildo Abrantes, atual secretário de Fazenda do Amapá, ponderou que o Congresso Nacional terá papel fundamental para trazer de volta o tão necessário equilíbrio entre os poderes e fortalecimentos da democracia.

“Seremos mais de 800 mil amapaenses no Congresso Nacional, representados por uma bancada de histórico atuante. Muito mais temos a conquistar para nosso estado”, afirmou Josenildo.
Facebook
Twitter
Email
WhatsApp

Deixe um comentário

Outras Notícias

PL vai com Furlan em Macapá

O atual prefeito de Macapá, Antônio Furlan, anunciou em suas redes sociais que o Partido Liberal, atual sigla do ex-presidente Jair Bolsonaro, estará em seu

Leia Mais »