Search
Close this search box.
Search
Close this search box.

Novo Amapá Jovem: saiu a lista com resultado preliminar

O Governo do Amapá divulgou o resultado preliminar do processo de seleção para o novo Amapá Jovem. A avaliação considerou os critérios estabelecidos nos editais que ofertaram vagas para seis modalidades do programa que passou por reformulação, ampliando as oportunidades para jovens do estado. As listas de espera e de inabilitados também foram divulgadas no site da Secretaria de Estado de Políticas para Juventude (Sejuv).  

CONFIRA LISTA DOS PRÉ-SELECIONADOS

CONFIRA A LISTA DE ESPERA

CONFIRA A LISTA DE DESCLASSIFICADOS

Os critérios para a inserção no programa foram planejados de acordo com as especificidades de cada um dos seis eixos (Escola, Universitário, Campo, Estagiário, Cidadão e Protagonista) que buscam contemplar de forma ampla a população jovem em vulnerabilidade socioeconômica e pessoal.

O novo Amapá Jovem oferta bolsas com valores que variam de R$ 250 a R$ 1,4 mil, a depender da categoria de inserção do beneficiário. A Sejuv é quem coordena o programa que vai atender 6 mil jovens. 

“Nós tivemos uma procura muito grande e buscamos seguir, criteriosamente, o que foi contido nos três editais que nós disponibilizamos, para que tivéssemos um processo justo. Elaboramos cuidadosamente os editais para que o preenchimento das vagas fosse feito com responsabilidade”, enfatizou a secretária da Juventude, Priscila Magno.

Critérios

Um dos principais critérios de análise para ingresso no benefício é a avaliação da renda, pois o programa é voltado, essencialmente, para jovens em situação de vulnerabilidade social. As informações precisam ser comprovadas, conforme determina o edital.

Outro critério estabelecido é a reserva de 5% das vagas para candidatos com deficiência, autodeclarados LGBTQIAP+, indígenas, quilombolas, pardos e negros. Outros itens de definição das especificidades para concorrer às vagas são apresentados e detalhados nos editais. 

Novo Amapá Jovem

O programa tem o objetivo de promover a inclusão social e econômica de jovens vulneráveis, entre 15 e 29 anos, no estado do Amapá. A estratégia envolve o acesso à educação, capacitação profissional e oportunidades no mercado de trabalho, buscando reduzir o desemprego, favorecer a reintegração social e fortalecer o bem-estar mental dos participantes.

O Governo do Estado lançou o novo Amapá Jovem totalmente reformulado para ampliar, capacitar e potencializar os atendimentos à juventude. A reformulação é uma proposta do Plano de Governo, que estabeleceu eixos de seleção para garantir o protagonismo da juventude amapaense.

Facebook
Twitter
Email
WhatsApp

Deixe um comentário

Outras Notícias