Search
Close this search box.
Search
Close this search box.

Mais de mil vagas ainda estão disponíveis nas escolas de tempo integral no Amapá

No Amapá, mais de 1,3 mil vagas ainda estão disponíveis em 10 escolas de tempo integral da rede estadual de ensino. Pais, responsáveis ou o próprio estudante, se for maior de 18 anos, podem procurar as secretarias das instituições para realizar a matrícula. O processo deve ser feito até o início das aulas, que, neste ano, acontece a partir de segunda-feira, 26.

De acordo com a Secretaria de Estado de Educação (Seed), as vagas vão do 6° ao 9° ano do ensino fundamental e da 1ª à 3ª série do ensino médio. Além de contar com uma carga horária mais expansiva, as escolas de tempo integral possuem laboratórios, três refeições ao dia e disciplinas eletivas que desenvolvem o estudante e impulsionam o protagonismo estudantil.

De acordo com dados do Instituto Sonho Grande, os alunos que fazem o ensino médio integral têm 17% mais chances de ingressarem no ensino superior. Além disso, ao se formar, os estudantes podem trabalhar em setores que exigem maior qualificação.

Informações do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) também mostram que um estudante do ensino integral atinge 10 pontos a mais em língua portuguesa e 9 pontos a mais em matemática do que aqueles de escolas regulares A modalidade de ensino também facilita a organização familiar, visto que os pais ou responsáveis podem trabalhar e cuidar de outras tarefas enquanto os jovens frequentam o ambiente seguro da escola nos dois turnos.

Ensino profissionalizante

Em sete das dez escolas, as turmas de ensino médio funcionam na modalidade profissionalizante. Ou seja, o estudante faz um curso técnico ao mesmo tempo em que estuda os conteúdos regulares. Esta é a primeira vez em que o Governo do Amapá vai ofertar turmas nesta modalidade. A novidade permite que o aluno termine a educação básica e vá direto para o mercado de trabalho.

São sete cursos disponíveis, sendo eles: Eletroeletrônica; Massoterapia; Instrumento Musical; Informática; Administração; Agente Comunitário de Saúde; Recursos humanos.

Facebook
Twitter
Email
WhatsApp

Deixe um comentário

Outras Notícias

CNJ afasta magistrado do Amapá

O ministro Luis Felipe Salomão, corregedor Nacional de Justiça, determinou o afastamento cautelar do juiz da vara de Execuções Penais de Macapá/AP, João Teixeira de

Leia Mais »