Search
Close this search box.
Search
Close this search box.

Laranjal do Jari: suspeito de matar menina de 12 anos morre em troca de tiros com a PM

Um indivíduo suspeito de ter participado da morte de Ana Clara Coelho de Souza, de 12 anos de idade, em Laranjal do Jari, no sul do Amapá, trocou tiros com com o 11° Batalhão da Polícia Militar (PM) e levou a pior.

Segundo informações, após tomar conhecimento do crime que vitimou a menor, e da identidade de um dos acusados, os policiais militares passaram a fazer incursões no endereço do suspeito e, assim que chegaram à casa do mesmo, ele correu para dentro de um e se armou, atirando em seguida contra as equipes. Houve revide e o elemento identificado apenas como “Recruta”, acabou baleado e morreu antes da chegada do socorro médico.

Um segundo acusado do homicídio da menina, Alex de Medeiros, foi preso na cidade vizinha, Vitória do Jari. Familiares de Ana Clara disseram que na noite anterior ao ocorrido, Alex teria ido até a casa da vítima e lhe ameaçado com uma arma de fogo, dizendo que, ao amanhecer, os parentes teriam uma surpresa.

Ana Clara foi encontrada morta, por volta das 10h desta quarta-feira (6), dentro de uma residência, localizada em uma região de palafitas, conhecida como Morro do Macaco, no bairro Malvinas. O corpo dela estava em cima de uma cama, com sinais de espancamento.

Antes de ser encontrada morta, a garota foi vista com um grupo de jovens pelos arredores do local do fato.

Nossa equipe tentou contato várias vezes com a Polícia Civil (PC) para ter mais detalhes da ocorrência, porém, não obteve êxito.

Facebook
Twitter
Email
WhatsApp

Deixe um comentário

Outras Notícias

PL vai com Furlan em Macapá

O atual prefeito de Macapá, Antônio Furlan, anunciou em suas redes sociais que o Partido Liberal, atual sigla do ex-presidente Jair Bolsonaro, estará em seu

Leia Mais »